Publicado há 1 mês atrás

Como passar o primeiro Natal sem a pessoa que se foi

As festas de Natal e Ano Novo para as famílias que comemoram essa data é sinônimo de confraternização e comemoração. É um momento de alívio, de se despedir do ano que está acabando e aproveitar o momento para juntar os familiares. Para os cristãos, o Natal também é o momento de celebrar o nascimento de Jesus. Seja qual for a tradição da família, passar o primeiro Natal e Ano Novo sem o ente querido pode acabar se transformando em um momento doloroso.

O que fazer se você estiver passando pelo luto durante essas comemorações? Como lidar com as festas e os convites? E, para aqueles familiares e amigos próximos de alguém enlutado, qual a melhor atitude? No texto de hoje, vamos falar sobre esse assunto tão delicado, mas necessário.  Continue lendo e confira.

Clique direto no tópico:

O primeiro ano do luto
O que fazer durante o Natal
Cuide-se
Comece novas tradições
Permita-se sentir
Relembre
O que familiares e amigos do enlutado devem fazer
Conclusão

O primeiro ano do luto

O tempo de luto é particular de cada pessoa, afinal, cada um tem sua própria maneira de lidar com a dor e, também, cada história é única. Uma pessoa pode perder diferentes pessoas durante a vida e para cada perda ter um luto único.

Mas o primeiro ano após a perda de alguém costuma se o mais difícil. É quando a pessoa vai passar todas as datas importantes sem o ente querido, seja um familiar ou amigo presente.

Isso inclui datas como: aniversário, o próprio e o de quem se foi, Dia das Mães e Pais, feriados que poderiam significar viagens e trazer lembranças de quem morreu e, claro, isso inclui o Natal e o Ano Novo também. Para algumas pessoas, essa pode uma das datas mais difíceis, já que é o momento de reunir sua família e você vê todas as outras famílias comemorando também.

Alguns enlutados terão dificuldade de participar desse evento comemorativo. Mais uma vez, uma onda de lembranças pode surgir e deixar a pessoa para baixo.

O que fazer durante o Natal

Quem está passando pelo luto deve se lembrar que não á nenhuma obrigatoriedade em participar de comemorações se o desejo for passar uma noite tranquila, sem eventos. Se ao se imaginar na Ceia de Natal a sensação é torturante, talvez seja melhor abrir mão de comparecer. É um tipo de situação que familiares e amigos devem entender.

Por outro lado, pense se é uma boa oportunidade de se distrair e sentir alguns momentos de leveza — mesmo que seja revirar os olhos com a piada do “tio do pavê”. Cada um sabe sua realidade e seus sentimentos melhor que ninguém, então, faça o que for possível e confortável para você.

Cuide-se

Natal significa família e comemoração, mas também pode ser um momento de excessos com comidas e bebidas alcóolicas. Usar um deles para escapar da dor da perda é um alívio temporário que pode, inclusive, trazer culpa no dia seguinte.

Comece novas tradições

Às vezes, o doloroso de comemorar o Natal pode ser ter que seguir as velhas tradições. Comparecer à casa dos pais como em todo o Natal, mas tendo que lidar com a ausência de alguém, por exemplo.

Mudar essas tradições pode ser a melhor decisão para toda família. Viajar, escolher passar a Ceia em um restaurante ou reunir a família na casa de outro familiar.

Permita-se sentir

Mesmo que decida comemorar, não reprima as ondas de saudade ou tristeza que podem surgir, mesmo quando todos à sua volta estão alegres. Aceitar e viver esse sentimento faz parte do processo do luto, que nada mais é que vivenciar a ruptura de um vínculo, descobrir uma nova maneira de viver.

Acolha seus sentimentos, seus pensamentos e não racionalize emoções tão intensas. Você perdeu alguém que ama, fisicamente ela não está presente, mas permanece viva em seus pensamentos, memórias e você continua tendo amor por ela.

Se possível, converse com alguém sobre seus sentimentos, divida suas emoções para torná-las suportáveis. Existe um tabu em falar sobre a morte e até sobre demonstrar sentimentos de tristeza, mas não existe nenhum problema nisso.

Relembre

Reprimir nunca é uma boa escolha, sejam sentimentos, desejos ou as lembranças. Você pode separar um momento do dia ou véspera de Natal para recordar o ente que faleceu, pode ser algum gesto ou apenas separar um tempo para relembrar a pessoas.

O que familiares e amigos do enlutado devem fazer

A dúvida do que dizer para quem acaba de perder alguém continua mesmo tendo passando algum tempo da morte, quando a pessoa continua enlutada. De modo geral, todos possuem dificuldade em lidar com a própria tristeza e a tristeza do outro.

Mas, assim como ouros momento da vida, ser sincero e compreensivo é o melhor caminho.

É importante não chegar com soluções prontas, afinal, o que é bom para você pode não ser a melhor opção para quem está enlutado. Pergunte o que a pessoa quer, faça planos junto com ela, ofereça ajuda para os preparativos do Natal ou convide para jantar na sua casa. É importante que a pessoa se sinta acolhida nesse momento e lembre que ainda há outras pessoas que ainda se preocupam com seu bem-estar e estarão presentes.

Também esteja disponível para ouvir o enlutado, isso pode ser a principal ajuda que você pode oferecer para alguém que está sofrendo. E, claro, não evite o enlutado por desconforto ou porque não sabe o que dizer a ele.

Conclusão

A partir da perda de alguém importante, o Natal, Ano Novo e toda a vida será diferente. Durante o luto cada um compreende isso da sua própria maneira e dentro do seu tempo. As datas podem trazer sentimentos desconfortáveis e dolorosos, mas é necessário lidar com elas, vivenciá-las.

Fugir de situações para não lidar com suas emoções, reprimir seus sentimentos nunca traz bons resultados, apenas retarda a adaptação a uma nova vida.

Faz parte do luto descobrir novas formas de viver com a ausência de alguém importante e celebrar a vida com aqueles que ainda estão presentes.

Já conhece o Cemitério Vertical Metropolitano?

Somos a melhor opção para você oferecer uma despedida tranquila para quem partiu. Possuímos a melhor infraestrutura com o melhor preço da região, com conforto e garantia de segurança.

Aqui no Cemitério Metropolitano, o cerimonial de cremação  e o cerimonial de sepultamento são realizados no Salão Roma. Ainda há a opção de escolher pelo velório online, em que é possível aproximar familiares e amigos que estejam longe e não consigam chegar a tempo da despedida. Nossas salas de velório também possuem a opção de velório online.

Além disso, possuímos planos de pagamento acessíveis, sempre incentivamos as pessoas a se planejarem para o momento da despedida que, afinal, é inevitável, mas pode ocorrer de maneira mais tranquila para os familiares.

Com planejamento, é possível facilitar a burocracia, passando com mais calma pelo momento do luto, assim como diminuir o valor das despesas e ainda respeitar os desejos de quem se foi.

Fale com a gente e saiba mais:

Mande mensagem através do WhatsApp, pelo telefone (13) 3467-4864 | (13) 9966-14644 ou mande uma mensagem aqui mesmo no site. Estamos prontos para melhor atender você e tirar suas dúvidas!


O Cemitério Metropolitano é um cemitério vertical localizado em São Vicente/SP, que oferece assistência e plano funerário. Utilizando técnicas modernas para a minimização de impactos ambientais, com suas instalações e lóculos. Possui crematório, salas para velório, ossuários e realiza cerimonial de cremação, para quem deseja prestar sua última homenagem.

Tags: Natal, Natal 2020
Categoria: Curiosidades

Acompanhe no Instagram!

WhatsApp